Cães do Choque realizam ações surpresas na Rodoviária e Ferry

Quem estiver chegando em Salvador por terra, desembarcando na rodoviária, ou pelo mar, atracando com o ferry boat, poderá receber, em qualquer horário, a visita ilustre dos cães farejadores do  Batalhão de Choque (BPChq) da Polícia Militar. A ação tem como objetivo combater a entrada de drogas, armas e de foragidos da Justiça.

Quando os ônibus ou embarcações chegam os PMs se espalham e iniciam o trabalho. ‘Turuque’ de seis anos e ‘Aramis’ com 4, ambos da raça pastor alemão, averiguam todas as malas. Na rodoviária, em uma das bagagens de um homem que vinha da cidade de Belo Horizonte, foram encontrados resquícios de maconha e uma faca. O homem assumiu ser usuário e argumentou ter a faca para cozinhar. O objeto cortante foi apreendido.

Os cachorros farejadores  garante um êxito maior na procura por drogas. 

“A utilização dos cachorros farejadores nos garante um êxito maior na procura por drogas. Eles conseguem detectar até vestígios de entorpecentes em qualquer tipo de compartimento”, explicou a comandante da Companhia de Operações com Cães (COC) do BPChq, capitã Samanta Lacerda.

Acrescentou que a Polícia Civil tem realizado ações semelhantes, fazendo uma dobradinha preventiva com a PM.

Fonte: Ascom/Alberto Maraux

Comentários
Anúncios

Deixe uma resposta